Liberdade imediata a Inauê Taiguara e João Vitor Gonzaga Campos

12 de novembro de 2013, 15:11

Compartilhe:

Na reintegração de posse de hoje, 2 estudantes foram arbitrariamente presos pela Polícia, sem nenhum motivo ou prova, do lado de fora da ocupação, e neste momento permanecem detidos, com risco de passarem a noite na prisão.

Um absurdo sem tamanho. A Polícia Militar, a reitoria e o governo do Estado buscam criminalizar o movimento estudantil e, em particular, atribuir toda responsabilidade a somente dois de nossos colegas. São estudantes como todos nós, que se mobilizam legitimamente por seus ideais. Não vamos admitir!

Estamos neste momento em frente ao 91 DP, para onde os estudantes estão sendo conduzidos.

Chamamos todos os estudantes a participar da Assembleia Geral que realizaremos amanhã,  às 18h na FAU.

Exigimos a imediata liberdade de Inauê Taiguara e João Vitor Gonzaga Campos!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *