Nota sobre o vídeo de divulgação da “Festa do Pijama – A Noite É Uma Criança!”

07 de novembro de 2012, 11:37

Compartilhe:

No dia  05 de novembro de 2012, foi divulgado na página do evento Festa do Pijama – A Noite É Uma Criança! (a partir do perfil do mascote da EACH -USP) e na página da entidade BOPE (também da EACH – USP), um vídeo com apelos machistas. Neste, personagens de figura masculina se referiam a uma personagem de figura feminina com um discurso violento e opressor. Após receberem criticas, optaram por retirar o vídeo de circulação.
Dia após dia nos deparamos com o machismo latente, norteando ações diversas e oprimindo de muitas maneiras a mulher. São cartazes, competições em festas e atitudes cotidianas que as sujeitam a um papel submisso e as colocam em uma condição de objeto. O que assusta é que essa ideologia de inferioridade está sendo vista, cada vez mais, sob uma ótica de naturalidade; o machismo não é natural!  
Nosso objetivo com essa nota é mostrar o quão grave se apresenta a situação. O vídeo em questão é só mais um exemplo das várias expressões machistas que vêm ocorrendo, não só em ambiente universitário, mas na sociedade como um todo. Consideramos importante deixar claro que é possível ser criativo e engraçado sem ser ofensivo. Não podemos e não iremos compactuar de forma alguma com qualquer tipo de manifestação que incentive ou faça uso da opressão à mulher, mesmo quando utilizado sob pretextos humorísticos. A luta do movimento feminista não para, e estaremos sempre dispostas a lutar para que essa lógica seja firmemente combatida e denunciada. Nós diretoras e diretores do DCE-Livre da USP deixamos também aberta qualquer via para possíveis diálogos acerca do acorrido e o desejo de que, unidos, possamos romper com este padrão e debater cada vez mais sobre o tema. 

O feminismo nunca matou ninguém. O machismo mata todos os dias!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *