Ata da Assembleia Geral dos Estudantes 17.05

18 de maio de 2012, 14:14

Compartilhe:

*Assembleia indicativa – quórum:  224 estudantes

  • Calendário

– Realizar atos com paralização das aulas nos dias dos próximos depoimentos dos estudantes processados

– 22/05 – 9h Café da manhã protesto em frente a Reitoria e saída em ato para o local dos depoimentos.

– 23/05 Incorporação no debate sobre os processos organizado pelos estudantes do CRUSP, 11h na Ágora do CRUSP

– 24/05 Comando de Mobilização, 18h no vão da Hist/Geo

– 28/05 a 01/05 – Semana do trabalho com abaixo-assinado contra os processos e Assembleias de curso

– 30/05 Dia de luta da USP – Velaço na Praça do relógio com enterro simbólico do Reitor Rodas e do Governador Alckmin

– 31/05 Indicativo de Assembleia Geral, 18h no vão da Hist/Geo (indicativo de rotatividade dos locais onde serão realizadas as Assembleias)

– 06/05 Indicativo de ato unificado das estaduais paulistas organizado pelo fórum das 6

– 19/06 Audiência pública sobre as Cotas na Assembleia Legislativa, 19h

 

  • Iniciativas

– Moções e notas sobre a USP para serem levadas aos sindicatos e associações

– Colagem de cartazes e panfletagens na Universidade e fora dela, como no metrô e trem, escolas, etc

– Incorporação na construção da comissão da verdade na USP

– Incorporação ao tribunal popular da USP: a reitora no banco dos réus

– Organizar ainda nesse semestre o festival contra a ditadura de ontem e hoje, por democracia e contra a repressão, convidando artistas como o rapper Emicida

– Incorporação na Marchas da Maconha (19/05), das Vadias (26/05) e pelo Estado Laico

– Diante da atual campanha salarial dos professores e funcionários da USP, com reivindicação de reajuste de 11% e tendo em vista a contraproposta da Reitoria de um reajuste de apenas 6,14%, os estudantes apoiam a reinvindicação dos professores e funcionários e se somam a exigência para que a reitoria reabra negociações e atenda as reinvindicações levantadas pelos trabalhadores

 

  • X Congresso de Estudantes da USP

– Manutenção da data aprovada pelo CCA (agosto de 2012)

– Manutenção do tema aprovado pelo CCA (Democracia na USP)

 

  • Moções

– Moção de repúdio aos processos e a perseguição política contra os estudantes e trabalhadores da USP e estudantes da Unifesp Guarulhos

 Moção de repúdio a proibição de festas na FFLCH

 Moção de repúdio ao atual projeto de “reurbanização” da São Remo! Defendemos um verdadeiro plano de urbanização que atenda as demandas da comunidade e garanta moradia digna, transporte, saneamento adequado, escolas, hospitais, etc.

– Moção de apoio e solidariedade a luta dos estudantes do Chile e do Quebec por educação publica e de qualidade, contra o aumento de 75% do reajuste do preço das universidades no Quebec , contra a repressão politica e policial e ao projeto de lei especial buscando o fim da greve no Quebec

 Moção de apoio aos professores perseguidos e processados de Ilhabela

 

DCE Livre da USP “Alexandre Vanucchi Leme”

Gestão “Não Vou Me Adaptar”

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *